Como usar SSHFS para montar sistemas de arquivos remotos

Como utilizar SSHFS para montar sistemas de arquivos remotos com SSH

Instalando SSHFS

SSHFS é software para Linux que precisa ser instalando no seu computador. Em sistemas Ubuntu e Debian, ele pode ser instalado através do apt-get.

sudo apt-get install sshfs

 

Montando o sistema de arquivos remotos

Para começar, é necessário criar um diretório local, que será utilizado para montar os arquivos. 

sudo mkdir /mnt/droplet <-- substitua "droplet" pelo nome que você preferir

Agora, é possível usar o SSHFS para montar o sistema de arquivos localmente. Se seu VPS foi criado com senha para login, será necessário inserir a senha do seu servidor durante esta etapa. Utilize então o comando abaixo (substitua xxx.xxx.xxx.xxx pelo IP do seu servidor).

sudo sshfs root@xxx.xxx.xxx.xxx:/ /mnt/droplet

Se o droplet estiver configurado para login através de um key de autorização do SSH, você precisará configurar o SSHFS para utilizar keys públicas. Utilize o comando abaixo. Será solicitado que você digite a mesma senha que usou durante a criação das suas keys com SSH-Keygen. 

sudo sshfs -o IdentityFile=~/.ssh/id_rsa root@xxx.xxx.xxx.xxx:/ /mnt/droplet

 

Agora, você pode trabalhar com arquivos no seu droplet como ser estivesse conectado a sua máquina local. Se você mover o diretório /mnt/droplet da sua máquina local, você pode criar um arquivo local que vai aparecer no seu servidor virtual. Da mesma forma, você pode copiar arquivos para a pasta /mnt/droplet e eles serão baixados no droplet. É importante lembrar que esse processo permite apenas a montagem de um ponto temporário. Se seu servidor ou sua máquina for desligada ou reiniciada, será necessário utilizar o mesmo processo de montagem novamente. 

 

Desmontando o sistema de arquivos remotos

Quando não precisar mais do seu sistema de arquivos remotos, basta desmonta-lo através do comando:

sudo umount /mnt/droplet

 

Montando seu sistema de arquivos remotos

O SSHFS também permite a montagem e configuração de pontos de arquivos remotos permanentes. Isso significa que esse ponto continuará ativo mesmo que você desligue ou reinicie sua máquina. Para configurar um ponto de montagem permanente, é necessário editar o arquivo /etc/fstab na sua máquina.

Primeiro, o arquivo /etc/fstab deve ser editado com um editor de texto.

sudo nano /etc/fstab

Role até o final do arquivo, e adicione a seguinte linha a ele.

sshfs#root@xxx.xxx.xxx.xxx:/ /mnt/droplet

Salve as alterações feitas em /etc/fstab e reinicie. 

No entanto, deve-se lembrar que deixar esses arquivos ativos permanentemente pode ser um risco para a segurança do seu sistema. Não é algo recomendado. 

 

O uso dos pontos de montagem remota

A montagem remota tem um comportamento semelhante ao armazenamento local de arquivos. Você pode criar, copiar, mover, editar, comprimir e realizar diversas operações no seu servidor VPS. Mas não pode executar programas e nem scripts no seu servidor remoto. 

Um dos usos mais típicos desse tipo de montagem, é no caso de você hospedar um site no seu VPS e precisar realizar mudanças nele com uma certa frequência. A montagem de um sistema de arquivos local permitirá que você use até editores de rexto para editar seu site, e qualquer alteração irá refletir no seu servidor virtual. 

Da mesma forma, servidores VPS também podem ser usados para testar projetos de codificação, de uma maneira muito simples. 

 

 



Baneer-970x250

  • 0 Usuários acharam útil
Esta resposta lhe foi útil?

Related Articles

O que é um domínio?

Domínio é um nome que serve para localizar e identificar computadores ligados a internet. O...

O que é DNS?

DNS é a sigla para Domain Name System ou Sistema de Nomes de Domínios. É uma base de dados...

Para que servem os servidores de DNS?

O servidor DNS é o sistema responsável por permitir que as demais máquinas conectadas a Internet...

Quando ocorrem as publicações DNS?

As publicações de DNS dos domínios .br ocorrem a cada 30 minutos. Somente alterações de DNS e...

Qual a documentação necessária para o registro de um domínio com final .br?

Alguns domínios com terminação .br precisam de documentação especial para que o registro seja...